Guardião da Verdade

Fórum para estudos teológicos.
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-se  

Compartilhe | 
 

  A VERDADE:“O TESTEMUNHO DE JESUS E O ESPÍRITO DE PROFECIA

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
silas G. de Souza



Número de Mensagens : 4
Idade : 59
Localização : São Paulo - Capital
Profissão : Motorista
Interesses : Divulgar e Pesquisar Ensinos Bíblicos
Data de inscrição : 15/12/2012

MensagemAssunto: A VERDADE:“O TESTEMUNHO DE JESUS E O ESPÍRITO DE PROFECIA   12/16/2012, 09:29

“O TESTEMUNHO DE JESUS
E O ESPÍRITO DE PROFECIA”.



Amigo este assunto é de muito interesse as pessoas que já conhecem um pouco da Bíblia. Isto por se tratar de doutrinas criadas pelos servos de Deus que estão em busca de um novo lar celestial. Nosso desejo é mostrar aos leitores, o que é o testemunho de Jesus e o Espírito de Profecia, assunto muito discutido por crentes.


Assim diz a Bíblia: -


O profeta Isaías, falando inspirado pelo Espírito Santo escreveu: “A Lei e ao Testemunho, se eles não falarem segundo estas palavras, nunca verão a alva”. Isaías 8:20


É realmente de importância a consideração deste verso, porque mostra até uma perda de direito à salvação, se for desprezado. É obvio que o pregador da mensagem de Deus ou mesmo ou mesmo o que crê, deve tomar em consideração a Lei de Deus e o Testemunho. Para isso se faz necessário saber o que são estas coisas. A lei não é desconhecida dos que crêem em Deus, pois esta se encontra gravada nas páginas da Bíblia, no capítulo 20 do livro de Êxodo, e transcrita em milhões de volumes espalhados no mundo. Ainda pode-se observar até a sua ordem cronológica, começando do 1º mandamento.

O testemunho de Jesus, porém tem deixado muita gente confusa. Muitas hipótese têm surgido e diversas correntes estão formadas em torno do “testemunho”. Para que a nossa apresentação não se apresente também como uma suposição, iremos com o leitor à Bíblia, considerando vários versículos que falam com bastante clareza sobre o assunto. Em primeiro plano, o que se deve pensar é no passado, no tempo do velho testamento, já havia testemunho.

O rei Davi, muitos séculos antes de Cristo, já ensinava dizendo no seu Salmo 19:7:

O testemunho do Senhor é fiel e dá sabedoria aos símplices”. Segundo a declaração daquele servo de Deus, no seu tempo existia o testemunho, pois a sua palavra indica:

“O testemunho do Senhor é fiel...”
Se não existisse, diria: “O testemunho do Senhor será fiel”. No Salmo 119:24 disse:

“Os teus testemunhos são o meu prazer”.

Estas palavras referem-se a algo do Senhor. Em sua oração rogava a Deus que inclinasse seu coração ao seu testemunho. Ainda no verso 99 dizia que meditava no testemunho do Senhor.

Considerando agora o que é o testemunho.

O texto que ensina esta verdade encontra-se em Apoc. 19:10, que diz:

“E eu lancei-me a seus pés para o adorar, mas ele me disse: Olha não faças tal; sou teu conservo, e de teus irmãos, que têm o testemunho de Jesus; adora a Deus. Porque o testemunho de Jesus é o Espírito de Profecia”.

Não há dificuldade para entender esta mensagem. Acontece que João, o profeta fora arrebatado em Espírito e em visão viu muitas coisas, recebendo ordem para escrevê-las em um livro. Tinha junto a si um poderoso anjo e este dava ordens e mostrava-lhe todas as coisas. Então o profeta maravilhado com o que contemplava, vendo o valor extraordinário do anjo, prostrou-se ajoelhado e o adorou; foi quando o anjo disse-lhe que não fizesse aquilo, quer dizer, não lhe prestasse adoração. Sou teu conservo.

Estas palavras do anjo mostram uma igualdade de criaturas na qualidade de filhos de Deus.
E de teus irmãos que tem o testemunho de Jesus...

Notem os leitores, que o anjo disse ter o testemunho de Jesus. Ora, se os anjos têm também o testemunho, então vê-se claramente que o testemunho que estamos estudando, não é uma propriedade humana existente na terra.
Então perguntamos: O que é o testemunho?

O testemunho é algo existente nos próprios filhos de Deus, tanto nos que habitam na terra como nos céu, pois o anjo declarou que também o tinha.


“Porque o Testemunho de Jesus é o Espírito de Profecia”.

Segundo ainda esta palavra do anjo observa-se que existe uma afinidade entre as palavras:
“testemunho e espírito de profecia”. Disse o anjo que o testemunho também é o Espírito de Profecia. Quer dizer que o anjo tinha também o espírito de profecia.

Que Maravilha! Leitores, sabermos que os habitantes do céu também bebem deste mesmo manjar que temos cada dia em nossa vida!
Por esta mensagem do anjo sabemos que o testemunho e o Espírito de Profecia não é uma coleção de livros qualquer. E que muitos estando enganados como dirigentes religiosos, ensinam de forma contrária os Santos Evangelhos do Senhor Jesus, todavia esperamos que esta palavra, os fiéis de Deus tomem posição ao lado da verdade, não se levando pelos enganos dos homens que, com astúcia, enganam fraudulosamente, como disse Paulo. II COR. 11; 130.

São João, o discípulo amado, em sua carta ensinando a este respeito disse:

“Quem crê no Filho de Deus em si mesmo tem o testemunho”. Foi por isso que dissemos que o testemunho não é propriedade de organizações, porque é crença em Deus. Todos os que crêem no Senhor como Deus e Salvador e obedecem aos preceitos divinos, esses têm o testemunho ou espírito de profecia, que vem a ser a mesma coisa, conforme disse o anjo:


”Sou teu conservo e de teus irmãos que têm o testemunho de Jesus”.

Para se admitir que o testemunho seja um tratado religioso aqui na terra publicado por algum grupo religioso, teríamos que dizer que os anjos no céu também o têm, esta coleção de livros, o que não podemos admitir. Quando encontramos um crente a exaltar o Santo Nome de Jesus, e anunciá-lo como Salvador sabemos que esse está possuído do testemunho de Cristo, porque assim a Bíblia ensina.

Então podemos dizer: Temos o testemunho ou espírito de profecia, não em livros para carregá-los, mas testemunho de fé na pessoa de Cristo, porque aceitamos e testemunhamos todas as verdades de sua palavra, portanto o temos assim como o anjo. Em Apoc. 1:2 lemos que, o Espírito Santo revelou a João e este deu testemunho de Jesus Cristo.

E por que deu testemunho? Porque cria em Cristo e em sua Santa Doutrina. Ainda em Apoc. 6:9 as almas dos que foram mortos pelo amor da palavra de Deus e do testemunho que deram.
Falavam de Cristo, anunciavam suas verdades, creram em tudo, por conseguinte tinham o testemunho ou espírito de profecia.

No cap. 12: 11 de Apoc; o anjo falou a respeito dos crentes que serão salvos:


“E eles o venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do seu testemunho”...


Eis aí leitor, a verdade acerca deste palpitante assunto que muito interessa aos servos de Deus que estão sedentos pela vida eterna. Aceitar Deus como seu Criador, é ter testemunho; pregar e viver a sua doutrina e aceitá-la é ter testemunho. A Bíblia não diz que os testemunhos sejam livros que seriam escritos posteriormente por pessoas aqui na terra.

Ela diz em I João 5:11; “e vida está em seu filho”. Aleluia!! Glória a Deus!! Está é a razão porque pregamos que o testemunho de Jesus, além da Bíblia, a palavra de Deus (o testemunho vivo dos servos de Deus) significa o crente crer em Jesus, falar de Jesus, testificar de Jesus, amar a Jesus obedecendo-lhe sua palavra deixar os prazeres do mundo por Jesus. Foi por isso que o anjo disse a João, o profeta:

“Olha, não faças tal, sou teu conservo e de teus irmãos, que têm o testemunho de Jesus”.

Falou assim porque cria em Jesus, adorava a Jesus, falava de Jesus e o reconhecia também como se Deus. A Bíblia dá autoridade para rejeitarmos qualquer livro cujo autor queira pô-lo como continuação do livro de Deus ou que venha a tirar algum trecho da mesma.


Lemos em Apoc. 22:18. “Porque eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro, que, se alguém lhe acrescentar alguma palavra, Deus lhe acrescentará as pragas que estão neste livro. E se alguém tirar qualquer palavra do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte da árvore da vida, e da cidade santa, e das coisas que estão escritas neste livro”.


Corroborando este sábio pensamento da Bíblia, transcrevemos trechos de certos livros de uma fiel e abnegada irmã escritora, que já dorme no Senhor, e os possuidores dos direitos autorais apresentam seus livros como testemunhos de Jesus ou Espírito de Profecia.

Os meus escritos não foram dados para substituir a Bíblia. A palavra de Deus é suficiente para iluminar o espírito mais obscurecido de todo o que sinceramente deseja entendê-la (Testemunhos para a Igreja pág. 20).

O povo de Deus é encaminhado às Escrituras como salvaguarda contra a influência dos falsos ensinadores e do poder ilusório dos espíritos das trevas. (Conflito dos Séculos pág. 593).

Deus terá sobre a terra um povo que mantenha a Bíblia e somente a Bíblia como norma de todas as doutrinas e base de todas as reformas. (Conflito dos Séculos, pág.596)

Satanás se esforça constantemente para atrair a atenção para o homem em lugar de Deus. Induz o povo a olhar para bispos, pastores, professores de teologia, como seus guias, em vês de examinarem as Escrituras a fim de por si mesmos aprenderem seu dever. (Conflito dos Séculos pág.595, 596).

Conquanto a reforma fizesse acessível a todos as Escrituras o mesmo espírito que Roma manteve, impede também as multidões nas igrejas protestantes de examinarem a Bíblia por si mesmos. São instruídos a aceitar os ensinos conforme são interpretados pela Igreja; e há milhares que não ousam receber coisa alguma contrária ao seu credo ou ao ensino adotado por sua Igreja, por mais claro que esteja revelado nas Escrituras. (Conflito dos Séculos, pág. 596).

A salvação de nossa alma está em jogo e devemos examinar as Escrituras por nós mesmos. Por mais forte que sejam nossas convicções, por maior confiança de que o ministro sabe o que é a verdade, não seja este o nosso fundamento. (Conflito dos Séculos pág. 598).

Como o leitor observa, a mencionada escritora joga o leitor para a Sagrada Escritura como testemunho e fonte de toda a verdade revelada ao homem.

Portanto, Deus esclareça a todos, com relação às verdades do seu reino, é o nosso desejo e oração. Amém




Postado por Silas G. de Souza

FONTE : Site:

IGREJA EVANGELICA PRIMITIVA Minst. dos DEZ Mandamentos
Nossa página de Estudos podem ser Impressos Livremente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
A VERDADE:“O TESTEMUNHO DE JESUS E O ESPÍRITO DE PROFECIA
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Jesus era um espírito vivificante ou seu corpo físico de fato ressuscitou?
» "O grande e imenso amor de Deus, a graça de Jesus Cristo, Seu filho, e as doces consolações do Espírito Santo, sejam para com todos aqueles que Nele crê, não só hoje, mas para todo sempre." E em confirmação a igreja diz: "Amém!"
» Deus não é uma trindade! Jeová é o PAI, Jesus é o FILHO e o Espírito Santo é a FORÇA ativa de Deus.
» Adorar em espírito e verdade. A verdade, segundo a Bíblia.
» Moises apareceu para Jesus em espirito ou em corpo?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Guardião da Verdade :: Assuntos Bíblicos :: A Lei de Deus-
Ir para: