Guardião da Verdade

Fórum para estudos teológicos.
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-se  

Compartilhe | 
 

 Por que o Decálogo é Um Código Especial

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Marllington Klabin Will
Administrador
Administrador
avatar

Masculino Número de Mensagens : 123
Idade : 28
Localização : Belém, PA
Profissão : Estudante
Interesses : Aprender
Data de inscrição : 03/09/2007

MensagemAssunto: Por que o Decálogo é Um Código Especial   1/19/2008, 02:17



POR QUE O DECÁLOGO É UM CÓDIGO ESPECIAL


Dez razões bíblicas por que o Decálogo é um código de preceitos especiais.

Por Marllington Klabin Will

 1 As palavras de Deus para o homem, inclusive Suas leis, foram dadas por intermediários humanos, os profetas. A única exceção foi um código de dez preceitos que Deus pronunciou solenemente com Sua própria voz. Foi a primeira e única vez que a voz de Deus foi ouvida por um grande número de pessoas reunidas (Ex.19–20). As demais leis não foram dadas diretamente a Israel — todas foram ditadas somente a Moisés, noutra ocasião.

 2 Deus mesmo escreveu os Dez Mandamentos com Sua própria mão em “duas tábuas de pedra” (Ex.31:18 / Dt.5:22). Em nenhum outro lugar na Bíblia há a escritura do dedo de Deus. As leis cerimoniais foram escritas pela pena por Moisés (Dt.31:9).

 3 O próprio fato de somente os Dez Mandamentos terem sido escritos em tábuas de pedras já os diferencia dos demais. Nenhuma outra lei foi escrita dessa forma. Todas as outras foram escritas em rolos de livros (Ex.24:4–7 / Dt.31:24–26).

 4 Quando Deus terminou de pronunciar o código dos Dez Mandamentos, o relato declara que Ele “nada acrescentou” (Dt.4:13 / 5:22). O pronunciamento havia terminado, era um conjunto distinto e completo, não havia mais nada que Deus desejasse acrescentar. Os que querem acrescentar as leis de outro caráter a esse código especial estão indo além do que está escrito e do que Deus fez.

 5 Deus confiou aos Seus profetas todas as outras mensagens para o homem, mas a tarefa de transmitir os Dez Mandamentos Ele não confiou nem mesmo a Moisés.

 6 Quando Moisés desceu do monte e viu o povo adorando o bezerro de ouro, sua indignação o fez arremessar as tábuas ao chão e quebrá-las. Então, o Senhor ordenou a Moisés que escrevesse uma cópia? Não. O Senhor mesmo reescreveu os Dez Mandamentos uma segunda vez! Realmente, um código muito distinto para que o próprio Deus o escrevesse duas vezes, em pedra.

 7 O objeto mais sagrado instituído por Deus e símbolo da aliança com os israelitas era a Arca da Aliança, acima da qual pairava a luz da presença divina. Se alguém tocasse neste objeto morreria fulminado instantaneamente. E, dentro daquele mais sagrado dos objetos sagrados do santuário, Moisés foi instruído a colocar os Dez Mandamentos (Dt.10:2,5). “Nada havia na arca senão as duas tábuas de pedra” (1Rs.8:9). A única lei que fora guardada dentro do objeto que era símbolo da aliança. Os livros com as demais leis deviam ser guardadas fora, ao lado da arca (Dt.31:26).

 8 A maior prova da distinção do Decálogo é o fato de que somente esses dez preceitos e nenhum outro mais são a única base da aliança especial proposta por Deus. “Então Ele vos anunciou a Sua aliança… isto é, os Dez Mandamentos” (Dt.4:13). Portanto, o Decálogo é um código de dez preceitos muito especiais.

 9 O próprio Paulo se expressa dividindo as leis, pois ele comenta sobre leis que antes eram importantes, mas não são mais, ressaltando que o que agora importa é “obedecer aos mandamentos de Deus” (1Co.7:19). Os leitores primários de Paulo sabiam a que “mandamentos de Deus” ele se referia, pois em Rm. 7:7–8 ele deixou isso claro, referindo-se a um mandamento específico do Decálogo. E diz no verso 25 que ele mesmo servia “à lei de Deus”, a mesma lei que contém o mandamento “não cobiçarás”, dos versos acima referidos.

 10 O apóstolo João viu no céu a Arca da Aliança, que certamente contém os originais dos Dez Mandamentos (Ap.11:19), o que não faria sentido se fosse uma lei faltando algum mandamento tal como dados por Deus, ou tendo algum deles aumentado ou alterado em seu teor, pois Deus “nada acrescentou” após o término da entrega do Decálogo (Dt.5:22).



_________________
Escute as minhas palavras e preste atenção em tudo o que vou dizer… Darei a minha opinião com franqueza; as minhas palavras serão sinceras, vindas do coração. (Jó 33:1,3)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.google.com/profiles/will.marllington
 
Por que o Decálogo é Um Código Especial
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» O que pensava Paulo acerca das duas leis(Pentateuco e Decálogo)?
» Que agonia, as horas não passam!!!! Venha logo dia 14!!!!!
» EM PAZ ME DEITAREI E: LOGO DORMIREI!(Sl.4.8.) E VOCÊ?
» Compro, logo existo.
» Quem deseja que Jesus venha logo?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Guardião da Verdade :: Assuntos Bíblicos :: A Lei de Deus-
Ir para: